A Tempestade

tempestade

Não é certamente a primeira tempestade que passa pelo viveiro e que resulta em estragos, mas esta foi certamente a mais violenta dos últimos 4 anos, pois nunca os estragos foram tão acentuados. Quando cheguei de manhã, nem queria acreditar, árvores pelo chão, algumas literalmente arrancadas dos vasos, 2 vasos partidos, 6 vidros da estufa estilhaçados, tinha o espaço com ar de que tinha sido vandalizado por alguém.

Nem tive muito tempo para pensar foi mais executar e resolver todos os problemas, 2 transplantes de emergência, limpar o viveiro todo, remover os estilhaços de vidro e já estamos prontos para a próxima. Mas certamente a tempestade de dia 18 de Janeiro não será fácilmente esquecida.

Anúncios

One thought on “A Tempestade

  1. Bruno António diz:

    Viva David!

    Esta situação no tempo, embora cada vez mais comum, ainda é rara.
    Eu assim que ouvi avisos os do vento e chuva (em alerta vermelho), protegi logo as árvores na sexta à noite e por aqui tudo foi “calmo” e sem estragos.

    Abrç. 😉

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: