Sabina “ryuhyou”

Esta foi uma árvore que ainda não tinha apresentado no blog, embora já tivesse aparecido por algumas vezes em fotografias do meu viveiro. É uma árvore que adquiri ao Alberto Baleato, quando o visitei mais o João Pires para ir buscar a Smoke Dragon, na altura queria tornar ainda mais “proveitoso” os 1200Km que iria ter de percorrer (as desculpas que um gajo arranja para comprar mais uma árvore!).

Na altura da aquisição, a discussão entre nós os 3 foi muito interessante existiam algumas opções, esta era sem dúvida de todas as árvores a menos vistosa à primeira vista, embora de forma inteligente o João questionava-me se eu não deveria investir em material diferente do que já tinha o que sem dúvida era uma questão bastante pertinente e então comecei a olhar para este projecto com outros olhos e acabei por o escolher.

Sendo o mais sincero possível, após alguns meses no viveiro, eu próprio me questionava se esta Sabina tinha sido uma boa escolha, não era propriamente uma árvore fácil, a solução não seria certamente óbvia e embora tivesse algumas ideias parte delas até discutidas na altura da aquisição da árvore as mesmas poderiam ser infinitamente questionáveis, mas por algum motivo estranho esta árvore provocava-me uma ansiedade absurda e perdi a conta às horas que passei a olhar para ela e a pensar o seu futuro…

Após muitas horas e muitas ideias, decidi avançar para um virtual que acabou por me esclarecer qualquer dúvida que pudesse ter em relação a esta árvore. Simplesmente adoro o resultado e estou ansioso por percorrer todo o caminho até ao resultado final.

Advertisements

14 thoughts on “Sabina “ryuhyou”

  1. João Pires diz:

    Ahh Hhaaaa! 😉
    É ou não é uma uma árvore diferente do padrão habitual? Então se tivermos em conta o tamanho….
    Boa boa 😉
    Abr.
    João Pires

  2. Olá João,

    É bom ouvir de ti desaparecido em combate 🙂 Já soube que o Shohin que trouxeste de Taisho-En limpou tudo o que havia para limpar no congresso sim sra!

    Vê lá se dás noticias para nos encontrarmos bebermos um chá verde e falar sobre as árvores 🙂

    Quanto a esta peça, sem dúvida que tem um caminho longo mas interessante pela frente 🙂 agora que o rumo está traçado é trabalhar 🙂

    Grande abraço,

  3. Olá David !

    Antes de tudo, parabéns pela peça ! mais uma muito boa =)

    Todos sabemos, que isto dos virtuais é tudo muito bonito, pois conseguimos por as coisas onde queremos ! Mas neste caso em especial, acho que tudo o que apresentas neste excelente virtual é possivel de se fazer , até aquele bocado na base que pretendes esconder dentro do vaso e principalmente a torção daquele ramo mais grosso, de maneira a construires o 1º ramo, no lado oposto daquele que se encontra agora, não vai ser fácil mas parece-me possivel !!

    Estes virtuais servem para traçar um rumo para a árvore mas são também bons exercicios de estética, sem dúvida 😉

    Grande abraço e boa continuação!

  4. Rafael diz:

    boas david

    grande virtual, tudo no sitio…

    a madeira morta é simplesmente fenomenal…. a torção que faz na direita e a cereja no topo do bolo, hehe

    abr
    rafa

  5. Olá Luis e Rafael,

    Obrigado pelos vossos comentários é sempre bom ouvir de vocês 🙂

    Luis,

    A tua referência é super importante, pois se não existir uma disciplina bastante severa a desenhar/reproduzir a árvore e as opções técnicas e estéticas de nada nos vale estarmos a desenhar um Virtual, a não ser que estejamos a desenhar apenas pelo prazer de desenhar para ocupar tempo, nos divertirmos…

    Agora se o fizermos com atenção aos detalhes pensando no que realmente é possível ou não fazer técnicamente ai o Virtual é super útil, interessante e uma ferramenta que quando bem utilizada, pode-nos ajudar a planear e encurtar o percurso de uma árvore.

    Abraço,

  6. Mario Eusebio diz:

    Viva David!

    Não apareceste no congreso :(!

    Efectivamente é como o Luis referiu! 😉 Acho possivel em parte fazeres isso com esta árvore, apenas há um promenor que acho “escapa” no Virtual, na fase inicial do tronco colocas veia viva a castanho na saida do solo, na parte de cima da madeira morta, mas na tua árvore ela não existe fisicamente! Como pensas mover a veia viva para lá?

    De resto está TOP o virtual!

    Excelente árvore!

    Abraço

    Mário Eusébio

  7. Olá Mário,

    Eu queria ir no Sábado ao Congresso e até tinha as coisas organizadas para que tal acontecesse mas só depois é que me apercebi que nesse dia tinha a última sessão de tatuagem marcada, ou seja não deu mesmo para ir.

    Tive o cuidado de ao realizar este virtual pensar nas soluções técnicas e neste virtual não existe nada que não seja possível realizar (ou assim espero!) pois só assim estes virtuais servem de exercicios estéticos que valem apena realizar, senão são apenas desenhos para passar o tempo 😉

    Quanto à veia viva, toda a base da árvore vai ter de ser de alguma forma re-construida, pois vou ter de separar a veia viva da madeira morta para conseguir ganhar os cerca de 20cm que quero e tudo isso terá de ser arrumado dentro do vaso (por isso a opção por um vaso bastante alto já contando com essa necessidade) e desta forma vou ter a oportunidade de recolocar a veia viva naquela zona.

    É preciso ter atenção que a veia viva não se vê actualmente na 3º fotografia, toda a parte debaixo que vês na 3º foto com casca vai dar aquele coto 🙂 a veia viva vê-se na 2º foto e não está assim tão longe de onde a necessito, depois logo arranjo maneira de a fixar 🙂

    Abraço,

  8. Mário Eusébio diz:

    Viva David!

    Efectivamente conforme explicas, pode ser que seja aplicável. Agora dá-lhe gás e começa a pensar na intervenção! Parece-me estar de boa saúde e pronta para trabalhar!

    Abraço,

    Mário Eusébio

  9. Olá Mário,

    É claro que só colocando a mão na massa e passando da teoria à prática é que vamos ter a certeza absoluta da sua execução, mas também me parece viável, vamos ver vamos ver…deseja-me sorte! 🙂

    A árvore, está vigorosa e de boa saúde, tem um pouco mais de 2 anos de recuperação, tendo em conta os conselhos da Maria João e olhando o tipo de trabalho que vou ter de realizar vou esperar que a árvore faça 3 anos no vaso, até começarem os primeiros trabalhos 🙂

    Até lá vou aproveitar para aprumar o seu cultivo e ganhar o máximo possível de massa verde 🙂

    Abraço,

  10. Kensho diz:

    Olá David, viva !

    > Gostei da opção apontada… Eu bem te disse para colocares isso “para cima” , lol !!! … O virtual é excelente e mostra a possível imagem que conseguirás com esse material se tiveres “calma” com ele 😉

    > Gosto em especial daquele jin a fluir entre as massas de folhagem. O design a realizar vai encaixar perfeitamente na madeira morta já existente ( e de grande qualidade! )

    Parabéns pelo projecto (mais um! hehe )

    Abraço,

  11. albero baleato diz:

    boa árbore e moi bo diseño,
    non ra unha árbore fácil, máis estas cando conseguimos resolvelas dannos moita másis satisfación que unha peza fácil
    seguro que lle sacas bo partido e sacas unha grande peza, xa que eu encontro que todo o que está no virtual é factible
    un saudo

  12. danbartonbonsaipots diz:

    Nice Pot David!!!!!!!! Looks very familiar.

    Cheers Dan

    • Hello Dan,

      Amazing pot, ofcorse done by you 🙂 that’s why it looks familiar 😉 Probably it will be my next order 🙂 but only in a few months 🙂

      Thanks for the comment, it’s always nice to hear from you 🙂

      Best regards,
      David

  13. […] Juniperus Sabina “Ryuhyou” Years on pot: 5 years Last Repot: March 2014* More info: https://itoigawa.wordpress.com/2010/12/05/sabina-ryuhyou/ […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: